Como dividir minha startup entre os sócios?

Feb 19

Como já foi visto em dicas anteriores, ter uma ideia é apenas o começo. Uma startup é uma ideia inovadora, executada com sucesso em tempo muito curto e conquistando um mercado promissor. Para isso, é necessário que o empreendedor se cerque de pessoas complementares e de perfis diversos.


Há muita discussão sobre como dividir a empresa, e quanto mais quantitativa for essa discussão, melhor. Pondere sobre as seguintes sugestões, e veja quais são aplicáveis:

1. Se alguém está deixando seu emprego para se dedicar exclusivamente ao projeto, seu percentual relativo deve ser maior.

2. Quanto maior a remuneração em dinheiro de um sócio durante a criação do seu produto, menor seu percentual (e vice-versa)

3. Tente garantir no mínimo 75% para o(s) empreendedor(es) original(is). Isso irá garantir que as decisões importantes sejam determinadas e garantidas pela maioria absoluta da sociedade.

4. Se todos estiverem envolvidos com a mesma dedicação ao projeto, é justo fazer a divisão equalitária – por exemplo, 25% para cada um de 4 sócios.

5. Reserve de 10% a 15% para distribuir entre seus principais desenvolvedores e gestores, e assim eles poderão ser retribuidos e motivados com um percentual no futuro. Atrele isso a metas claras que formalizam os percentuais gradualmente.

6. Guarde de 5% a 10% para conselheiros e mentores mais experientes que ajudem na estratégia e bootstrapping da empresa, pois apoio externo é muito benéfico em uma startup.

Isso deve ser suficiente para começar, e provavelmente já trará alguma dor de cabeça na divisão dos percentuais – afinal, toda sociedade é um exercício constante não só do trabalho de equipe, mas também de negociação e paciência.

3 Comments

Leave a Reply